• Français
  • English
  • Português

CD's

Vagabundo por amor

 

    Letras
    SABES ONDE EU ESTOU

    Eu já vi que vais mudar de vida
    Por um novo amor me vais trocar
    P’ra mim não muda nada
    Com tua saída
    Posso te perder, mas tu não perdes teu lugar

    Eu vou deixar tudo como estava
    Minhas emoções ficam iguais
    Se o sonho que persegues
    Um dia der em nada
    E se precisares daquele amigo
    Ou muito mais

    REFRÃO:
    Sabes onde eu estou
    Se quiseres voltar
    Seja por amor
    Ou mesmo apenas p’ra chorar
    Sabes onde eu estou
    E o que sou p’ra ti
    Seja p’lo que for
    Que tu regresses para mim
    Eu estou sempre aqui

    Vejo que estás mesmo de partida
    Por um novo amor eu sei que vais
    Mas se acordares sozinha
    Ou arrependida
    E se precisares daquele amigo
    Ou muito mais

    REFRÃO:

    Toda a vida vou ficar
    Tu podes mesmo não voltar
    Mas eu nunca me vou
    Tu sabes onde eu estou
  • 1 - Sabes onde eu estou
  • Letras
    Eu não te peço mais nada
    Só me atrevo a pedir-te talvez
    Que em nome do amor que se acaba
    Sejas minha pela última vez

    Meu derradeiro pedido
    É só este, depois podes ir
    Não te falo em ficar
    Nem sequer em voltar
    É tão pouco o que estou a pedir

    REFRÃO:
    Mais uma noite
    É tudo o que eu peço
    Antes que estejas nos braços de alguém
    Mais uma noite
    Sei que mereço
    Mais que não seja pelas noites que eu dei
    Mais uma noite
    Para mim é tanto
    Já que mais nada volto a ter de ti
    E se vou ficar
    Tantas noites chorando
    Dá-me uma noite só antes do fim

    Eu não te peço mais nada
    Sei que tudo já não posso ter
    Mas até chegar a madrugada
    Não me negues um adeus com prazer

    Meu derradeiro pedido
    É só este e depois podes ir
    E para quem vai viver
    Tão sozinho sem querer
    É tão pouco o que estou a pedir
  • 2 - Mais uma noite (antes do fim)
  • Letras
    VAGABUNDO POR AMOR

    Pego no meu carro
    Acendo outro cigarro
    Fujo do lugar onde ela está
    Chego a outros braços
    Por outra cama eu passo
    Dou-me a quem não amo
    Tanto faz
    Eu faço de tudo p’ra esquecer
    Quem não me quer
    Mas eu só me iludo
    Faça eu o que fizer

    REFRÃO:
    Vou, caminhando por aí
    Tenho casos sem ter fim
    Mesmo assim eu penso nela
    Vou, de coração em coração
    E de paixão em paixão
    Mesmo assim eu penso nela
    Vou caminhando por aí
    Por instantes sou feliz
    Mesmo assim eu penso nela
    Sou vagabundo por amor
    E vá eu p’ra onde for
    Mesmo assim eu penso nela

    Sem parar eu sigo
    Só com um sentido
    Fugir do lugar onde ela está
    Chego a outro porto
    Os lençóis são outros
    P’ra mim é igual, tanto me faz
    Eu faço de tudo p’ra esquecer
    Quem não me quer
    Mas eu só me iludo
    Faça eu o que fizer
  • 3 - Vagabundo por amor
  • Letras
    VIVER SEM TI NÃO É VIVER

    Viver, como é que eu posso acreditar
    Na palavra viver
    Abrir os olhos e acordar
    Se tu não estás
    Eu já tentei, não sou capaz

    De viver, por te perder fiquei perdido
    Deixei de viver
    Por isso nada mais consigo
    Depois de ti
    Apenas sei dizer assim

    REFRÃO:
    Viver sem ti não é viver
    A vida assim, é ser sem ser
    Viver sem ti, não é viver
    É estar somente aqui por estar até morrer
    Não é viver

    Viver, como é que posso imaginar
    Voltar a viver
    Fechar os olhos e sonhar
    Sem estares aqui
    Eu já tentei, não consegui

    Viver, depois de ti fiquei sem vida
    Deixei de viver
    Mas se quiseres que eu sobreviva
    Volta p’ra mim
    Sem ti eu sei, que morro aqui
  • 4 - Viver sem ti, não é viver
  • Letras
    SE EU SOUBESSE QUE ME QUERIAS

    Eu pensava que era só uma aventura
    Mais um caso, um capricho para ti
    Um romance, um momento de loucura
    Afinal não era assim
    Afinal eu era o sonho dos teus sonhos
    Muito mais do que uma noite de prazer
    Tu escondeste-me a verdade a meus olhos
    E eu parti por não saber

    REFRÃO:
    Se eu soubesse que me querias
    E era amor o que sentias
    Como eu sentia por ti
    Tinha ficado a teu lado
    E não tínhamos ficado
    Tão perdidos hoje assim
    Se eu soubesse que me querias
    E era amor o que tu vias
    No teu sonho igual ao meu
    De certeza que ficava
    E nenhum de nós chorava
    Um grande amor que se perdeu

    Eu pensava que era um caso passageiro
    Que logo passa quando a noite chega ao fim
    Ilusão sem sentimento verdadeiro
    Afinal não era assim
    Afinal eu era o sonho dos teus sonhos
    Muito mais do que uma noite de prazer
    Tu escondeste-me a verdade a meus olhos
    E eu parti por não saber
  • 5 - Se eu soubesse que me querias
  • Letras
    Tu pensas que eu não choro
    Porque não me vês chorar
    Nem ouves o meu pranto
    Até hoje
    Mas não é bem assim
    Eu não tenho é mais p’ra dar
    Chorei tudo
    Quando foste

    Tu pensas que eu não sofro
    Porque não me vês sofrer
    Nem ouves meu lamento
    E o meu grito
    Mas não é bem assim
    Não tenho é voz p’ra dizer
    O que sinto, o que sinto

    REFRÃO:
    Sinto em mim um vazio
    Uma falta, uma dor
    Que acabou com tudo de mim
    E quanto mais passa o tempo
    Mais eu sinto
    Sinto a falta de ti

    Agora sabes tudo
    Talvez possas entender
    Porque não vês meu choro
    E sofrimento
    Não é por não te amar
    É sim por mais nada ter
    Que choro e sofro
    Mas por dentro

    REFRÃO:

    Sinto em mim um abandono
    Uma falta, uma dor
    Que acabou com tudo de mim
    E quanto mais passa o tempo
    Mais eu sinto
  • 6 - Esta falta de ti
  • Letras
    O QUE EU GOSTO NUMA MULHER

    Podes ter o cabelo sempre da mesma cor
    E manteres os teus olhos como sempre quis ver
    Podes falar em prosa ou em versos de amor
    Continuas para mim o meu sonho e mulher

    Podes ser inocente outras vezes fatal
    Ter os dias cinzentos outros negros sem fim
    Podes ter mil sabores, ser meu bem e meu mal
    Sejas tu como fores, sempre te digo assim

    REFRÃO:
    Não mudes nada do que és
    Nem mudes nada do teu ser
    Tu tens tudo o que eu gosto
    Tudo o que eu gosto numa mulher

    Podes ter os teus lábios de sal ou de mel
    E manter o teu corpo, tal sereia do mar
    Podes ser um desejo doce ou mesmo cruel
    Que eu serei sempre louco, louco só por te amar
  • 7 - O que eu gosto numa mulher
  • Letras
    QUEM SERÁ

    Os meus amigos dizem que ando triste
    Preciso alguém depois daquele adeus
    Mas quando lhes pergunto
    Se outro alguém assim existe
    Também eles perguntam como eu

    REFRÃO:
    Quem será, quem será, quem será
    Quem me vai fazer esquecê-la
    Quem será
    Quem me vai dar a alegria
    Que ela deu e já não dá
    Quem será, alguém me diga
    Quem será

    Os meus amigos dizem que eu preciso
    Amar alguém p’ra voltar a sorrir
    Mas quando lhes pergunto
    Se haverá algum sorriso
    Igual ao que perdi, dizem-me assim

    REFRÃO:

    Os meus amigos dizem que eu sou louco
    Não querer ninguém depois dessa paixão
    Mas quando eu lhes digo
    Todo o amor que houver é pouco
    Depois daquele amor
    Dão-me razão
  • 8 - Quem será (Che Sara)
  • Letras
    FOI AMOR, FOI AMOR

    Hoje tudo acaba
    Entre nós chegou o fim
    Não te peço nada
    Só que te lembres de mim
    Como aquele alguém
    Que sempre te amou
    Não como um ninguém
    Ou só mais um que por ti passou

    Se não fui o amor
    Que tu escolheste p’ra ficar
    Faz-me este favor
    Já que mais nada me queres dar
    Para onde quer que vás
    E a quem fales de mim
    Mente em tudo mais
    Menos naquilo que eu senti

    REFRÃO:
    Foi amor, foi amor
    Nunca digas que não foi
    Foi amor, foi amor
    Eu vivi só por nós dois
    Foi amor, foi amor
    Não te esqueças de lembrar
    Tudo fiz p’ra este amor não acabar
    Foi amor, foi amor
    Nunca digas que não foi
    Foi amor, foi amor
    Quer no antes ou depois
    Foi amor, foi amor
    Não te esqueças nunca mais
    Não é por falta de amor
    Que tu te vais

    Hoje tudo acaba
    Já que tu quiseste assim
    Não peço mais nada
    Só que te lembres de mim
    Não como o melhor
    Se o fui eu não sei
    Seja como for
    Nunca te esqueças do que eu dei
  • 9 - Foi amor, foi amor
  • Letras
    QUANDO CHEGA A SOLIDÃO

    Quando o dia está aqui
    Eu consigo me iludir
    Que o pior já me passou

    Quando o céu ainda tem luz
    Parece que aquela cruz
    Que deixaste me deixou

    Escondo-me entre a multidão
    E até penso que a razão
    Meu sentimento venceu

    Eu não minto
    Quase sinto
    Que sem ti posso ser eu

    Mas quando chega a solidão
    Quando a noite em mim se abriga
    Estou de novo em tuas mãos
    E o punhal no coração
    Volta a dar sinais de vida

    Quando chega a solidão
    Quando a noite me trespassa
    Volto a ver que é tudo em vão
    E que morro de paixão
    Até chegar a madrugada

    Quando o sol está brilhar
    Eu consigo até pensar
    Que a tristeza já lá vai
    Quando a terra ganha cor
    Parece que aquela dor
    Que deixaste não dói mais
  • 10 - Quando chega a solidão
  • Letras
    SÓ COM ELA E MAIS NINGUÉM

    Longe dela
    Meus cinco sentidos
    Deixam de existir
    Eu não vejo
    Não amo
    Não sinto
    E nem sei sorrir

    Primavera, Outono
    Inverno e Verão
    São iguais
    E a distancia
    Entre o bem e o mal
    Fica perto de mais

    Eu sem ela
    Eu sem ela
    Ando assim
    Entre a guerra e a paz
    Nada é nada
    Quando ela não está

    Só com ela
    É que eu vejo o mundo sempre com mais cor
    Só com ela
    É que eu não me afundo nesse mar de dor
    Só com ela
    Vejo amor em tudo o que a vida tem
    Só com ela
    Só com ela
    Só com ela
    Com ela e mais ninguém

    Longe dela
    Não olho p´ra nada
    Com olhos de ver
    Não respiro
    Não sonho
    Não vivo
    Nem quero saber

    Branco e preto
    Azul e vermelho
    São cores banais
    E a distancia
    Entre a luz e as trevas
    Não existe mais
  • 11 - Só com ela e mais ninguém
  • Letras
    NUNCA VOU ESQUECER
    ( a terra onde nasci )

    Eu já andei por todo mundo
    Os quatro cantos eu já vi
    E já passei por quase tudo
    E tive mais do que eu pedi

    As luzes das maiores cidades
    No meu olhar eu pude ter
    Mas nada venceu a saudade
    Da terra que me viu nascer

    REFRÃO:
    Por mais que eu conheça
    Por mais que eu veja por aí
    Mais fica em mim esta certeza
    Nunca vou esquecer
    A terra onde eu nasci
    Por muitas vezes que esta vida
    Me leve pra longe daqui
    Maior é a certeza ainda
    Nunca vou esquecer
    A terra onde eu nasci
    Nunca vou esquecer
    A terra onde eu nasci
    Nunca vou esquecer
    A terra onde eu nasci

    Eu já passei tanta fronteira
    Nos sete mares naveguei
    Quando parti da minha aldeia
    Ir tão além nunca pensei

    Tantas paixões tive na vida
    Por tanta terra e tanto mar
    Mas à ribeira pequenina
    Acabo sempre por voltar
  • 12 - Nunca vou esquecer (a terra onde nasci)
  • Letras
    FILHO E PAI

    TONY: Eu sempre andei
    Longe daqui
    Mas não mudei
    Nem te esqueci

    MICKAEL: Cresci sem ti
    Sem meu herói
    Mas nem assim
    O amor se foi

    TONY: Estive longe e ausente sem querer
    Nos caminhos de cada canção
    Mas eu nunca deixei de te ter
    No horizonte do meu coração

    MICKAEL: Fiz-me homem às vezes na dor
    E revolta por não te ter mais
    Mas eu nunca esqueci este amor
    De Filho e Pai

    TONY: É bom saber
    Chegas-te aqui
    Sem me esquecer
    Quase sem mim

    MICKAEL: É bom ouvir
    Da tua voz
    Mesmo sem ti
    Não estive só

    TONY: Se andei longe e ausente sem querer
    Se o adeus foi maior que o ficar
    Foi p’ra dar-te o que eu não pude ter
    Sabes bem, não foi por não te amar

    MICKAEL: Se eu chorei revoltado sem ti
    Hoje entendo e até digo mais
    Tenho orgulho por sermos assim
    Filho e Pai

    TONY: A distância só nos fez crescer
    E ficar mais amigos no fim

    MICKAEL: Aceitar e também entender
    Muitas vezes a vida é assim

    JUNTOS: Nesse tempo que por nós passou
    Aprendemos até muito mais
    Nada pode mudar o amor
    De Filho e Pai
  • 13 - Filho e pai
  • Letras
    ELLE MOI

    Elle est tout ce que me rappelle
    Lisbonne en avril
    Et je n’ai jamais aimé qu’elle
    Parmi toutes les filles

    Ses yeux sa voix
    Son corps ses doigts
    Tout ça n’appartient qu’à moi

    Ce sentiment
    D’amour vraiment
    Je le tien entre mes bras

    REFRÃO :
    Elle et moi
    Il n’y a qu’elle et moi
    Au milieu de la foule et des combats
    Elle et moi
    Il n’y a qu’elle et moi
    Deux individus
    La même cœur qui bat
    Elle et moi
    Rien n’est jamais perdu pour elle
    Sauf l’amour perdu
    Et je veux tout gagner pour elle les fruits défendus

    Quand elle me dit
    Qu’au paradis
    Un dieu n’attendait que nous
    Moi je me dis
    Que par ici
    Même l’enfer me sera doux
    Elle et moi
    Il n’y a qu’elle et moi
    Au milieu de la foule et des combats
    Elle et moi
    Il n’y a qu’elle et moi
    Deux individus
    Le même cœur qui bat
    Elle et moi
    Elle et moi
    Il n’y a qu’elle et moi
    Pour nous aimer aussi fort qu’autrefois
    Elle et mois
    Il n’y a qu’elle et moi
    Libre prisonnier de cet amour là
    Elle et moi
  • 14 - Elle moi
  • Letras
    IL FAUDRAIT JAMAIS QUE LE TEMPS PASSE

    Voilà on s’est tout dit
    Y’avait un paradis
    Mais ce n’est plus nous
    Y’avait une maison bleue
    Le ciel des jours heureux
    Mais ce n’est plus nous
    Y’avait une balançoire
    Un chien et des canards

    Sur la photo je vois
    Une femme auprès de moi
    Mais ce n’est plus elle
    Cette étudiante en droit
    Protestant avec moi
    Ce n’est plus elle

    Devant la maternelle
    Ce n’est plus la rebelle

    REFRÃO :
    Il faudrait jamais que le temps passe
    Faudrait jamais rien changer de rien
    Ni les visages dans la glace
    Les adresses des copains

    Il faudrait jamais quitter l’espace
    Où on s’est aime au quotidien
    La fille du tabac d’en face
    L’épicier marocain

    Il faudrait jamais que le temps passe
    Faudrait jamais rien changer de rien
    Ni nos sourires dans la glace
    Du bistro parisien
    Où je t’aimais bien

    Voilà on s’est tout dit
    Je passerai mercredi matin
    Tout va bien

    J’ai trouvé une maison
    Pas loin de la maison et
    On verra bien
    Mais j’ai gardé l’espoir de pouvoir te revoir.
  • 15 - Il faudrait jamais que le temps passe
Powered by GBZ