• Français
  • English
  • Português

CD's

Ai destino

 

    Letras
    AI DESTINO

    Ai destino, ai destino
    Ai destino que é o meu
    Ai destino, ai destino
    Destino que Deus me deu

    O amor bateu à porta
    E eu deixei-o entrar
    Parecia tão diferente
    Confiei e fui em frente
    E com ela quis casar

    Infortúnio do destino
    Esse meu passo infeliz
    Fui amante atraiçoado
    Fui marido mal amado
    Sem saber que mal eu fiz

    REFRÃO:
    Ai destino, ai destino
    Ai destino que é o meu
    Ai destino, ai destino
    Destino que Deus me deu

    Ai destino, ai destino
    Ai destino tão cruel
    Ai destino, ai destino
    Ai destino infiel

    Destruiu a minha vida
    E a vontade de viver
    Levou-me o que eu mais queria
    Meus filhos desde esse dia
    Nunca mais voltei a ver
    Fiquei eu e a solidão
    E o desgosto mais chorado
    Mas nada posso fazer
    Não tenho culpa de ter
    Um destino mal traçado

    REFRÃO:

    O amor tem destas coisas
    No princípio tudo bem
    Quando se vê a verdade
    P´ra voltar atrás é tarde
    P´ra recomeçar também
  • 1 - Ai destino, ai destino
  • Letras
    CARINHA LAROCA

    REFRÃO:
    Vou deixar-te louca, carinha laroca, carinha laroca
    Com água na boca, carinha laroca, carinha laroca
    Vais-me dar em troca, carinha laroca, carinha laroca
    Um beijo na boca, carinha laroca, carinha laroca

    Eu perco o juízo com o teu sorriso, com o teu sorriso
    Fico a desmaiar com o teu olhar, com o teu olhar
    Cara de anjo só, de mim não tens dó, de mim não tens dó
    Mas se um dia te entregas já não me dás negas, já não me dás negas

    (Refrão)

    Pára de fugir, não vais resistir, não vais resistir
    Entrega-te lá, não sejas tão má, não sejas tão má
    Cara de anjo só, de mim não tens dó, de mim não tens dó
    Mas se um dia te entregas já não me dás negas, já não me dás negas
  • 2 - Carinha laroca
  • Letras
    PLUS JAMAIS

    Tu disais ça ne finira jamais toi et moi
    Mais un matin je me suis réveillé sans toi
    Tant de fois j`ai crié ton prénom tant de fois
    Dans mon lit ou même dans mes chansons tant de fois
    Aujourd`hui tu reviens dans ma vie souriant
    Mais rien n`est plus pareille aujourd`hui comme avant

    REFRÃO :
    Plus jamais j`oublierai notre histoire
    Plus jamais j`oublierai ton regard
    Mais le rêveur que tu as laissé a changé

    Plus jamais j`oublierai ton prénom
    A jamais tu seras dans mes chansons
    Mais nous deux même si j`ai des regrets
    Plus jamais

    Je voudrais tellement serrer ton corps contre moi
    Mais je dois rester froid rester fort laisse moi
    Je ne suis plus ce rêveur fragile que j`étais
    Toutes ces nuits ces moments difficiles m`ont marqués
    Tu disais que j`étais ton chanteur préféré
    Mais dans les murs j`ai eu mal au cœur j`t`es pas trouvé
  • 3 - Plus jamais
  • Letras
    MEU BOM COMPANHEIRO

    Já tem o seu cabelo branco
    Que lhe dá ainda mais encanto por onde vai
    Lembro quando era pequenino
    E olho p’ra ele com mais carinho
    Meu velho pai, esses conselhos que me davas
    Por vezes não acreditava, mas não esqueço
    Agora sei tinhas razão
    E do fundo do coração
    Eu te agradeço

    REFRÃO:
    Querido pai para sempre serei teu amigo
    E onde estiveres eu estarei contigo
    Sempre a qualquer hora
    Querido pai, foste tu o melhor companheiro
    Coração amigo e verdadeiro, pela vida fora

    Passou a vida a trabalhar
    Nunca pensou em descansar, ele é assim
    Nunca te disse pai querido
    Mas podes crer sou teu amigo, gosto de ti
    Tantas canseiras já passou
    Tanto na vida me ensinou, eu não me esqueço
    Por tudo isso que lá vai eu tenho orgulho em ti meu pai
    E te agradeço
  • 4 - Meu bom companheiro
  • Letras
    DEPOIS DA PRIMAVERA

    REFRÃO:
    Ai como é lindo o sol da minha terra, depois da primavera, depois da primavera
    Ai como é quente o ar da minha serra, depois da primavera, depois da primavera

    Já está chegando o sol amigo
    Anunciando que em breve estarei contigo
    As andorinhas no céu voando
    São as primeiras a dizer que estou voltando

    À minha terra de amor lavrado
    Linda giesta, minha eterna namorada
    Fiel amiga, abrigo certo
    Que me recebe sempre de braços abertos

    (Refrão)

    Se o paraíso fosse na terra
    Seria aqui sempre depois da primavera
    Com este aroma, campos em flor
    Eu não conheço no mundo coisa melhor

    Seja de dia, seja de noite
    Até parece que este sol nunca se esconde
    Por isso mesmo são mais de mil
    As alegrias depois das chuvas de abril
  • 5 - Depois da primavera
  • Letras
    MIL BEIJINHOS

    Passas-te ontem por mim, fingiste não me ver
    Não sei se foi vergonha, ou se foi mesmo sem querer
    Passei ontem por ti, baixas-te o teu olhar
    Eu disse-te “ Bom dia “, respondes-te a escapar

    REFRÃO:
    Oh Oh Oh Ohhhhhhhhh
    Eu troco mil beijinhos, por um beijinho teu
    Eu dou-te mil carinhos e tudo, tudo meu
    Eu troco mil beijinhos por um beijinho teu
    Eu dou-te mil carinhos e tudo, tudo meu

    Eu vi-te no café sozinha e a pensar
    Então não resisti e quis-me apresentar
    Disseste-me o teu nome, que eu nunca esqueci
    Sentei-me à tua mesa, fiquei louco por ti

    (Refrão)

    Tu estavas com pressa, era encontro marcado
    Disseste só adeus, um adeus apressado
    Encontrei-te mais vezes, “ Bom dia “ e mais nada
    Diz lá porque és assim, assim envergonhada
  • 6 - Mil beijinhos
  • Letras
    MORENA BONITA ( da cabeça aos pés )

    Quando ela passa na minha rua a cantar
    Vou atrás dela só para a ver caminhar
    Sem conhecê-la mesmo assim me apaixonei
    Sem dar por nada preso por ela fiquei

    Cabelo ao vento tão bonita nunca vi, mulher assim, mulher assim
    Dava-lhe tudo mesmo o que não é meu, por um beijo seu, por um beijo seu

    REFRÃO:
    Morena bonita, mulher tão perfeita da cabeça aos pés
    Estou apaixonado, estou enamorado, nem sei quem tu és
    Morena bonita, meu coração grita que está a sofrer
    Olha p’ra mim ou vou morrer

    Deus queira que ela ainda não tenha apaixonado
    Tanto eu gostava de ser o seu namorado
    Um dia destes eu com ela vou falar
    Vou fazer tudo p’ra seu amor conquistar

    Cabelo ao vento tão bonita nunca vi, mulher assim, mulher assim
    Dava-lhe tudo mesmo o que não é meu, por um beijo seu, por um beijo seu
  • 7 - Morena bonita (da cabeça aos pés)
  • Letras
    SOMOS OS MAIORES

    REFRÃO:
    Somos os maiores, canta comigo
    Somos os maiores, ouve o que eu digo
    Somos os maiores, não há um povo como nós
    Oh oh oh oh
    Somos os maiores, agora e sempre
    Somos os maiores, oh minha gente
    Somos os maiores, vamos erguer a nossa voz
    Somos os maiores, somos os maiores, nós

    Fizemos caravelas, escrevemos nas estrelas
    Coisas que ninguém mais escreveu
    Nós, deixamos nossa glória em séculos de história
    E muita gente já se esqueceu
    Vem mostrar ao mundo inteiro
    Os novos marinheiros, está na hora de navegar
    Em novas caravelas, tão fortes como aquelas
    Que ergueram oceanos de paz
    E pelo mar de novo navegará um povo
    Como há quinhentos anos atrás

    (Refrão)

    Que somos lusitanos e a todos já mostramos
    O que é ser um conquistador
    Nó ! desvendamos mistérios, fizemos um império
    E tudo pela força do amor
    Vem! mostrar a todo mundo, que ainda temos muito
    Muito sangue que é Português
    E orgulho na grandeza, da língua portuguesa
    E na bandeira deste país
    Vamos lá agora, por este mar fora
    Como há quinhentos anos se fez
  • 8 - Somos os maiores
  • Letras
    COM A VERDADE ME ENGANAS

    Quanto mais ela me engana
    Mais eu sou louco por ela
    Quanto mais ela me foge
    Ainda mais corro atrás dela
    Quanto mais ela me afasta
    Mais eu a quero abraçar
    Quanto mais me diz que basta
    Quanto mais me diz que basta
    Mais eu a quero beijar

    REFRÃO:
    O nosso caso é uma novela
    Vivo enganado, mas gosto dela
    E qualquer dia, eu sei que sim
    Que vai ser ela a andar atrás de mim

    Quanto mais ela me engana
    Mais eu acredito nela
    Quanto mais ela me trama
    Menos faço por esquecê-la
    Quanto mais me diz mentiras
    Mais eu penso que é verdade
    Quanto mais coisas me tira
    Quanto mais coisas me tira
    Mais lhe dou minha amizade

    (Refrão)

    Quanto mais ela me trai
    Mais mantem acesa a chama
    Ela diz-me tudo bem
    Ela diz-me tudo bem
    Com a verdade me engana
  • 9 - Com a verdade me enganas
  • Letras
    AI QUE SAUDADES ( Linda Madeira )

    Partiu um dia, deixou o cais
    Uma casinha branca tão linda que não viu mais
    Hoje velhinho ainda se lembra
    Desse cantinho doce e tão lindo na fazenda
    Dava o resto da sua vida para morrer
    Na ilha linda sempre florida, que o viu nascer

    REFRÃO:
    Ai que saudades que tem, tem da Madeira
    Do rosto da sua mãe, da sua aldeia
    Ver o Funchal outra vez, ai quem lhe dera
    Quem sabe se alguém por lá, por ele espera

    José Luís era o seu nome, deixou um dia seu pais
    Foi p’ra tão longe
    Passou uma vida, ficou por lá
    Mas no velhinho às vezes penso, como estará
    Falou comigo olhos nos olhos, quase a chorar
    Disse-me adeus e então baixinho, foi-se a cantar

    Ai que saudades eu tenho, linda Madeira
    Desse cantinho pequeno da minha aldeia
    Ver o Funchal outra vez, ai quem me dera
    Quem sabe se alguém por lá ainda me espera
  • 10 - Ai que saudades (linda madeira)
  • Letras
    DUAS LÁGRIMAS

    REFRÃO:
    São duas lágrimas, que eu choro amor
    Tu sabes que uma é de felicidade outra é de dor
    São duas lágrimas, nos olhos meus
    Tu sabes que uma é quando eu te vejo, a outra no adeus
    São duas lágrimas que minha alma chora
    Tu sabes que uma é quando volto e a outra quando vou embora

    Quando chego aqui amor venho chorando
    De alegria por sentir que estou voltando
    Há uma lágrima a cair pelo meu rosto
    E uma outra que há de vir depois de agosto
    Meus olhos nunca vão secar desta maneira
    Passo o ano a atravessar esta fronteira

    (Refrão)

    Uma lágrima ao chegar não me dói nada
    Só a outra custa mais é mais salgada
    Mais amarga que a tristeza, tem outra cor
    É diferente da primeira que é por amor
    Meus olhos nunca vão secar desta maneira
    Passo o ano a atravessar esta fronteira
  • 11 - Duas lágrimas
  • Letras
    DEIXA-ME EM PAZ

    REFRÃO:
    Deixa-me em paz que eu já não te pertenço
    Deixa-me em paz não é em ti que eu penso
    Deixa-me em paz achar quem eu procuro
    E juro que nunca mais tu vais saber de mim

    Porque será que tu não me deixas, porque será
    Porque será que tu não procuras outro sem ser eu
    Porque será que tu me persegues, porque será
    Porque será que tu não entendes que o amor morreu

    (Refrão)

    Não voltará esse amor de outrora , não voltará
    Não quero estar nem mais uma hora a viver assim
    Vou procurar a minha metade, vou procurar
    Tens que me dar, dar a liberdade que eu te dou a ti
  • 12 - Deixa-me em paz
Powered by GBZ